CEZAR CANDUCHO

Minha foto
TERRAS ALTAS DA MANTIQUEIRA., MG, Brazil

segunda-feira, 14 de março de 2016

OS “COXINHAS” E A MARCHA DA VERGONHA!

saudac3a7c3a3o-nazista

Foto: saudação nazista nas manifestações da direita em 13/03/2016 (fonte: Blog do Luiz Müller).

Autor: Sandro Ari Andrade de Miranda, advogado, mestre em ciências sociais.

Já disse diversas vezes que a direita na rua é patética, razão pela qual não perco muito o meu tempo analisando as manifestações programadas por grupos golpistas para o dia 13 de março, que carregaram a “fina flor” do elitismo, dos corrutos e dos corruptores, dos conservadores e dos reacionários de plantão para protestar contra o Governo Federal “e tudo o que está aí”.
De manifestantes com saudação nazista, passando por dondocas acompanhadas de babás uniformizadas, pelo patinho inflado da FIESP (maior concentração de sonegadores por metro quadrado do país), larápios e alienados de todos os tipos, passando por diversos políticos denunciados ou condenados em esquemas de corrupção, como Aécio Neves, Geraldo Alckmin, Paulinho da Força, e outras figuras desse nível, viu-se de tudo, menos uma capacidade real de trazer algo positivo para o Brasil. À título de exemplo, no Rio Grande do Sul, estado com o maior número de investigados no STF (e não pelo Moro) na operação Lava Jato que realmente vale, 06 parlamentares do Partido Progressista (PP), acusados de corrupção, estão no comando da organização da manifestação. É no mínimo uma piada de mau gosto ver o PSDB, o DEM e o PP, presentes em todas as listas de corrupção e lavagem de dinheiro, no comando de uma manifestação que alega lutar contra a corrupção!
Tenho a impressão que todos os corruptos do país atenderam ao chamado do Noblat (do Jornal o Globo), para tentar derrubar a Dilma e o PT, antes de que as investigações verdadeiras, e não aquela panaceia que confundiu Hegel com Engels, os leve para a cadeia. O que se vê é, reiterando, patético, pastoso, vergonhoso...
Apesar do esforço da Rede Globo, do Grupo Folha e de outras organizações da mídia golpista para “bombar” as manifestações de 13 de março de 2016, o dia será lembrando como mais uma data em que a direita conseguiu mostrar que não tem capacidade real de construir algo novo para o país. Foi mais um fracasso! Aliás, além de fomentar a violência, a fome, a corrupção, o preconceito e o ódio contra a diferença, a direita nunca fez nada de novo ou positivo durante a história das instituições políticas. Não seria hoje que ela iria romper com as suas bases destruidoras.
O fenótipo branco, bem alimentado, com sorrido de propaganda de pasta de dente (esbranquiçado por clareamento dental), alguns com a pele laranja por bronzeamento artificial, vestidos com a caríssima camiseta da seleção brasileira reciclada da copa passada, ou de marcas como Tommy, Lacoste, dentre outras, todas na cor verde e amarela, apenas comprova que o surreal é possível!
A defesa do retorno da ditadura, do fim dos direitos humanos, da manutenção de privilégio fiscais e de classe, e a entonação dos gritos de “volta para Cuba” ou “para a Venezuela” demonstram que tais grupos não conseguem ampliar as suas bases. São isso mesmo, nada além de um círculo de alienação profunda...
Sinceramente, em momento algum esperava legitimação concreta do movimento golpista nas ruas. Não tem Globonews que dê sustentação ao que se viu na paulista ou em Copacabana. Nem comprando seguidores, para carregar as faixas pesadas que os “brucutus” com músculos forjados em clínicas estéticas do Leblon não têm força para levar, a direita não tem base real, com a ressalva de uma elite vazia e do poderio do capital financeiro. Suas ações concretas serão sempre baseadas no uso da força por meio de golpe de estado, mesmo que tecnocrático ou parlamentar, ou na construção de farsas pela hiper-realidade midiática, como já fizeram em outras oportunidades, e são estes artifícios que devemos estar preparados para enfrentar!

Nenhum comentário: