CEZAR CANDUCHO

Minha foto
TERRAS ALTAS DA MANTIQUEIRA., MG, Brazil

domingo, 20 de março de 2016

PTMG - Em Minas, 100 mil vão às ruas defender a democracia.


Minas Gerais teve 100 mil em Belo Horizonte e manifestações em Uberlândia, Juiz de Fora, Uberaba, Leopoldina e Cataguases. Houve manifestações em todos os estados do País. Ativismo, criatividade e muita garra marcaram o ato em BH, nesta sexta, 18/3.
Uma massa vermelha tomou conta do centro da Capital mineira. Da concentração na Praça Afonso Arinos, onde a criatividade deu o tom da manifestação, militantes, lideranças e cidadãos e cidadãs desceram a Av.Afonso Pena até a Praça Sete e, a seguir, até Praça da Estação, que ficou lotada e não parava de descer gente para o Canto da Democracia, show e performances organizadas por integrantes do equipe Fora do Eixo, Jornalistas Livres e outras organizações independente.
Em todo país, mais de 1,35 milhão participou das manifestações em favor da Democracia, contra o golpe à presidenta Dilma Rousseff e em apoio ao ex-presidente e ministro da Casa Civil, Luiz Inácio Lula da Silva. “Não vai ter golpe! Vai ter luta!” foi a frase de ordem durante toda a manifestação.
Assessoria de Comunicação do PTMG
Foto: Lidyane Ponciano/ Av. Afonso Pena, centro de BH
***
***
***

Atenção à saúde em Minas recebe investimentos de R$30,5 milhões.
Os recursos, do Tesouro Estadual, foram para a compra de veículos entre ambulâncias e carros utilitários para entidades filantrópicas e prefeituras de mais de 400 municípios.
O Governo de Minas Gerais investiu cerca de R$30,5 milhões na primeira etapa do Programa de Doação de Veículos para a Atenção à Saúde nos municípios. Os recursos foram para a compra de quase 700 veículos, entre ambulâncias e carros utilitários, entregues a prefeituras e instituições filantrópicas de mais de 400 cidades, nos 17 Territórios de Desenvolvimento.
O Programa de Doação de Veículos para a Atenção à Saúde, uma iniciativa do Governo do Estado, tem o objetivo de proporcionar qualidade no transporte de pessoas com necessidades de tratamento médico, realização de exames ou de consultas, além de promover a assistência médica de caráter emergencial.
Para estabelecer a quantidade de veículos entregues, sem ônus aos municípios, e os valores investidos no programa, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) fez um levantamento dos convênios pendentes desde de 2013 e um diagnóstico assistencial em todas as regiões ampliadas de saúde do estado. “O programa reorganiza demandas de convênios celebrados entre 2013 e 2014 e que não foram atendidas na gestão anterior”, afirma o secretário de Estado de Saúde, Fausto Pereira dos Santos.
O secretário de Estado de Governo, Odair Cunha, destacou a contribuição dos parlamentares da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), ao indicarem emendas ao orçamento do Estado, permitindo, com isso, a entrega dos veículos aos municípios. “Ações como estas comprovam a importância da parceria entre o executivo e legislativo na promoção da assistência à saúde dos mineiros e mineiras”, acentuou.
Benefícios
Várias Associações de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apaes) foram contempladas nesta fase do Programa de Doação de Veículos. A Apae de Carmo do Paranaíba, no Território Noroeste, por exemplo, recebeu um Doblô Essence.
“O carro chegou em boa hora, porque precisávamos de um veículo pequeno para fazer pequenas viagens”, diz a pedagoga aposentada Maria de Lourdes Rodrigues, presidente voluntária da Apae de Carmo do Paranaíba. Ela conta, aliviada, que o Doblô vai substituir uma Kombi velha, com mais de 30 anos, que já foi parar no ferro velho.
A Associação atende 250 portadores de necessidades especiais de Carmo do Paranaíba e da vizinha cidade de Arapuá. O veículo vai facilitar o transporte dos alunos para unidades de saúde, as visitas dos assistentes sociais às famílias e servir de apoio logístico para atividades administrativas.“Atendemos aqui pessoas com deficiência múltipla que, muitas vezes, precisam ser buscadas e levadas em casa. Além disso damos assistência a várias famílias nos distritos da região, inclusive da zona rural”, observa Maria de Lourdes.
Reforço para hospital da rede ampliada
O Hospital de Cataguases, da Irmandade Santa Casa de Misericórdia, no Território Mata, está entre as entidades filantrópicas beneficiadas. O hospital recebeu dois Fiat Pálio que, prioritariamente, vão ser utilizados no transporte de pacientes, de doadores de sangue e no atendimento em domicilio por parte das equipes de enfermeiros e de médicos.
Segundo o controlador da entidade, Carlos José Barbosa, os veículos vão agilizar a assistência aos pacientes e auxiliar em alguns procedimentos administrativos. “Os carros eram uma necessidade urgente e significam um ganho enorme para o hospital, para o transporte do dia a dia, para as atividades básicas”, ressalta Barbosa.
O hospital da Irmandade Santa Casa de Misericórdia realiza cerca de 8 mil atendimentos por mês, 90% pelo SUS. A entidade faz parte da rede ampliada de urgência e emergência do estado e é uma das referências na microrregião de Cataguases, que possui aproximadamente 176 mil habitantes. O hospital atende várias especialidades, como clínica médica, urgência e emergência, ortopedia, ginecologia e obstetrícia e cirurgia geral.
Balanço
Nesta primeira etapa do Programa de Doação de Veículos foram entregues 79 Doblô ambulâncias, 203 Doblô Essence, 385 veículos Fiat Pálio; e 30 modelo Ducato minibus.
O programa contemplou prefeituras, entidades beneficentes e filantrópicas dos municípios dos Territórios de Desenvolvimento Alto Jequitinhonha, Caparaó, Central, Mata, Médio e Baixo Jequitinhonha, Metropolitano, Mucuri, Noroeste, Norte, Oeste, Sudoeste, Sul, Triângulo Norte, Triângulo Sul, Vale do Aço, Vale do Rio Doce e Vertentes.
Fonte e imagem: Agência Minas
***
***
***
Sede do PTBH é alvo de terceiro atentado em um mês.
Ação de grupos fascistas, alimentados pelo ódio e intolerância, arrombam e depredam sede do Diretório Municipal do PT de Belo Horizonte. Diretório Estadual repudia atentados.
Na madrugada deste sábado, 19, a sede do Diretório Municipal do PT de Belo Horizonte foi alvo do terceiro atentado. A porta do prédio foi arrombada, houve tentativa de incendiar a biblioteca. Alem de jogarem tinta azul na fachada do prédio, a recepção foi devastada, computadores, telefones e mesas foram destruídos pelos criminosos.
A polícia foi acionada e o local isolado para realização de perícia. O Secretário Geral do PT de Belo Horizonte, Geraldo Arco-Verde, afirmou que este é mais um ato fascista contra o PT e seus militantes, lançando alerta para a insegurança insuflada por grupos de direita.
O primeiro atentado foi dia 5/3, quando a fachada do prédio foi pichada e jogado lixo na porta. Militantes foram à sede no dia seguinte e fizeram um ato público, limpando e pintando as paredes novamente.
Na sexta, 18, novamente a sede foi alvo de vândalos, que jogaram tinta na fachada do prédio. Na madrugada deste sábado, 19, os fascistas foram mais longe: arrombaram e depredaram a sede municipal do partido.
O Diretório Estadual do PT de Minas, reunido neste sábado, 19, em Belo Horizonte, repudiaram os atentados e reafirmaram o apoio à direção municipal da legenda e aos militantes convocando os filiados a denunciarem todo e qualquer ataque sofrido. “Esses atentados terroristas são inaceitáveis. Não vamos permitir que cenas como as que vimos durante o período negro da história recente do país, sejam repetidos.”, afirmou o secretário de Comunicação do PTMG, deputado Ulysses Gomes.
Assessoria de Comunicação do PTMG
Foto: Divulgação PTBH
***
***
***

Artesanato mineiro gera negócios em diferentes regiões do estado.
Dia do Artesão será comemorado pelo Governo de Minas Gerais neste sábado (19/3)
Artesanato e geração de negócios caminham juntos em Minas Gerais. O estado conta com cerca de 300 mil artesãos que movimentam aproximadamente R$ 2,2 bilhões por ano na economia mineira. Rica culturalmente e importante economicamente, a cadeia produtiva da atividade conta com o apoio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sede) para a promoção do setor.
Para celebrar o Dia do Artesão, neste sábado (19/3), o Governo de Minas Gerais inaugura a exposição “Arte Popular no Médio São Francisco”. Na mostra, Obras de quatro artistas da região serão expostas em exposição, até o dia 19 de abril, no Centro de Arte Popular – Cemig (rua Gonçalves Dias, 1608, Funcionários), em Belo Horizonte. A entrada é gratuita.
Artesanato mineiro
De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico, Altamir Rôso, o artesanato mineiro é, além de uma importante manifestação cultural do estado, bastante relevante para a economia do estado. “A produção artesanal gera renda para milhares de famílias. A atividade garante melhores condições de vida para uma parcela significativa da população, em regiões que são, muitas vezes, mais carentes em oportunidades de trabalho”, conta. Para ele, a atuação da Sede, com a Coordenação de Artesanato, é fundamental para o incentivo a toda a cadeia produtiva do setor.
Dentro da ótica da promoção e desenvolvimento do setor, a Sede monitora e incentiva a realização de feiras nacionais e internacionais que promovem a atividade dos artesãos. Em 2015, foram 13 eventos regionais e nacionais, entre feiras, eventos e exposições, que divulgaram o trabalho de 4.417 artesãos mineiros e movimentaram mais de R$ 1 milhão.
Além das feiras, a Secretaria também é responsável por realizar o cadastro e emissão da Carteira Nacional do Artesão e do Trabalhador Manual. O documento é um registro no Sistema de Informação Cadastrais do Artesanato Brasileiro e facilita a participação em eventos especializados.
Os interessados em conhecer mais sobre a Coordenação de Artesanato da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico podem acessar outras informações no site 
ou ligar para (31) 3915-2938.
Serviço:
Exposição “Arte Popular no Médio São Francisco”
Local: Centro de Arte Popular – Cemig: Rua Gonçalves Dias, 1608, Funcionários, Belo Horizonte
Horário de Funcionamento:
3ª, 4ª e 6ª – de 10h às 19h
5ª – de 12h às 21h
Sábado e domingo – de 12h às 19h
Outras informações: (31) 3222-3231
Fonte e imagem: Agência Minas


***
***
***
PTMG repudia atentados a sede do PTBH.


O Diretório Estadual do Partido dos Trabalhadores de Minas Gerais vem a publico manifestar o seu mais veemente repudio ao atentado terrorista praticado na sede municipal do partido na madrugada deste sábado, 19, em Belo Horizonte.
Aqueles que não conseguem conviver com a democracia usam da força e do obscurantismo, de práticas criminosas contra aqueles que estão na trincheira da defesa das liberdades individuais e coletivas.
Este é o terceiro atentado de grupos fascistas contra a sede do PTBH ocorridas em março deste ano. A primeira foi no dia 5/3, quando picharam e jogaram lixo na fachada do prédio. O segundo ataque foi na sexta, 18/3, e o terceiro, na madrugada deste sábado, 19/3, numa ação criminosa inaceitável de invasão, saque, tentativa de incêndio e depredação de equipamentos.
Neste momento de instabilidade política, essa atitude marginal só nos faz acreditar que é imprescindível reforçar a luta pela democracia e o Estado de Direito.
O Diretório do PTMG reafirma seu posicionamento de vigília constante ao fortalecimento da democracia, da manutenção das liberdades individuais e coletivas e da participação popular em nosso país e conclama a toda a população, as entidades e as instituições a lutar contra o golpe das elites em nosso país e a ação de grupos fascistas.
Belo Horizonte, 19 de março de 2016.
Diretório Estadual do PTMG

***
***
***

Semana Santa em Minas Gerais mistura religiosidade, tradição e cultura.



Municípios mineiros contam com uma programação especial para os fiéis no próximo feriado.
Vivenciar em Minas Gerais a fé, a arte e a cultura durante a Semana Santa. Esta é a proposta da Secretaria de Estado de Turismo (Setur) para o feriado prolongado que se aproxima. Municípios mineiros contam com uma programação especial para os fiéis que encontram, nos rituais, uma maneira de relembrar dos últimos momentos até a ressurreição de Cristo.
O secretário de Estado de Turismo, Mário Henrique Caixa, salienta que o turismo religioso é um dos principais atrativos turísticos do estado. “Além de encontrar o tradicional espetáculo da fé, o visitante tem ainda a oportunidade de passear pelas ladeiras históricas, admirar a arquitetura colonial e se deliciar com a rica gastronomia encontrada em todas as regiões de Minas Gerais”, afirma Caixa.
Belo Horizonte e entorno
Na capital, a Semana Santa é celebrada pelas paróquias da Arquidiocese de Belo Horizonte. Os fiéis se unem em uma grande demonstração de fé, religiosidade e devoção, que tem início no Domingo de Ramos, data que recorda a entrada triunfal de Jesus Cristo em Jerusalém e termina no Domingo de Páscoa, com a celebração da ressurreição.
A dica para quem quer curtir o feriado em Belo Horizonte é visitar o Circuito Liberdade. Todos os espaços estão com programação intensa durante o período. O Inhotim, em Brumadinho, também estará de portas abertas para visitação.
Para quem prefere passear ao ar livre, os Parques Municipais de Belo Horizonte oferecem diferentes opções para desfrutar de bons momentos de lazer, descanso e descontração. Todos eles estarão abertos durante o feriado.
Santuário Estadual Nossa Senhora da Piedade
O Santuário Estadual Nossa Senhora da Piedade, localizado em Caeté, a 48 quilômetros de Belo Horizonte, é um dos roteiros mais procurados pelo turista religioso. A tranquilidade do lugar, situado a 1700 metros acima do nível do mar, é propícia para momentos de reflexão e orações.
Em dias claros, é possível, também admirar belas paisagens, tendo como pano de fundo as montanhas de Minas Gerais. Tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) – o Santuário é ponto de encontro dos devotos da padroeira de Minas Gerais, Nossa Senhora da Piedade.
A partir do início da Quaresma – que começou na Quarta de Cinzas –, o local recebe, a cada domingo, aproximadamente quatro mil visitantes que percorrem uma ladeira de cinco quilômetros em Via Sacra que lembra os últimos momentos de Cristo. Desde o início da quaresma, a igreja se veste de luto, todas as imagens dos altares são cobertas de roxo.
As procissões percorrem as principais ruas do centro histórico, contado com a participação de alguns moradores que vestem personagens bíblicos. Na sexta-feira da Paixão é montada a representação do calvário na Praça João Pinheiro, ao final do dia, ocorre o decida da Cruz e a procissão de enterro que acompanhada por sociedades musicais do município.
Cidades históricas
A Semana Santa em Ouro Preto é considerada uma das mais tradicionais do Brasil. Além do cenário propício e que relembra a paixão de Cristo, diversos são os atos religiosos, pontos de referências para as celebrações. Junto aos ritos religiosos, há uma produção na cidade para receber milhares de turistas.
A cidade oferece diversas atrações durante a semana como encenações litúrgicas nas escadarias e adros das igrejas, via Sacras com quadros vivos, filmes e folheteria, com o histórico e a descrição das cerimônias, indicando rituais e locais, exposições de artes em diversas salas e galerias da cidade, além da confecção do tradicional tapete com 22 quilômetros, feito com serragem, borra de café, raspa de couro e afins.
Em Mariana, as festividades diárias do mês santo tiveram início no último dia 11 com celebrações penitenciais, sempre às 19h, em diferentes regiões da cidade. Na sexta-feira da Paixão, fiéis cobertos por túnicas brancas percorrem as ruas do centro histórico, no fim da noite, para reviver a “Procissão das Almas”, uma antiga lenda marianense.
As celebrações se estendem até o dia 27/3, quando acontece o Domingo da Ressurreição, que encerra a programação da Semana Santa com celebração Eucarística na Praça dos Ferroviários e procissão da Ressurreição na Catedral Metropolitana.
Sabará conta com diversas atividades católicas entre sermões, ofícios quaresmais e missas. As ruas da cidade se transformam em cenário de procissões quando os casarões centenários emprestam suas belezas para a celebração da data. No Domingo de Páscoa haverá missa solene na Praça Melo Viana, em seguida haverá procissão até a Matriz de Nossa Senhora da Conceição.
A tradição é destaque nas celebrações em São João del-Rei. A Semana Santa é uma demonstração da fé que se mantém por aproximadamente 300 anos através de suas cerimonias religiosas. A celebração é a única no Brasil que preservou antigas tradições, hoje abolidas, como a utilização do latim, considerado língua morta que é utilizada nos Motetos, nas Matinas e Laudes, tocadas e cantadas.
Em Diamantina, a Semana Santa tem como destaque a encenação da Sexta-Feira da Paixão, com guardiões romanos e cerca de 300 participantes reproduzindo a Via Sacra. Na manhã do Domingo de Páscoa, as ruas são enfeitadas com flores e nas janelas dos sobrados surgem colchas e toalhas coloridas.
A charmosa Tiradentes preserva tradições centenárias nos ritos da Semana Santa. O destaque vai para os passos, pequenos altares construídos no século 18, que ficam fechados durante a maior parte do ano, mas abrem suas portas durante as procissões de Ramos e das Dores. A cerimônia do lava-pés, que ocorre na quinta-feira santa na igreja matriz é um dos eventos mais movimentados. No Domingo de Páscoa, os moradores decoram suas janelas com toalhas bordadas e mudam a paisagem da cidade.
Para uma Páscoa especial
Araxá preparou uma celebração especial: a Páscoa Iluminada. A programação, que começa no dia 25 de março e se estende até 24 de abril, conta com espetáculos de padrão mundial com muita música, luzes, tecnologia de ponta e arte. O evento acontece no maior atrativo turístico da região, o famoso Grande Hotel de Araxá.
Além das celebrações cristãs, época de Páscoa é também época de saborear deliciosos chocolates. Monte Verde oferece aos visitantes os mais variados tipos da iguaria: chocolate ao leite, amargo, meio amargo, com recheio de licor, trufas recheadas e fondues. Já se tornou tradição a confecção de um bolo gigante, com tantos metros quantos os anos de fundação do distrito (este ano terá 65 metros) que é distribuído aos moradores e turistas no dia da Páscoa.
Para as crianças, ovos de páscoa são escondidos e a sua caça vira uma grande diversão. Além disso, o destino é uma ótima escolha para aqueles que já querem ir desfrutando um pouquinho do clima frio e das paisagens que a cidade oferece.
Fonte e imagem: Agência Minas

***
***
***

Em nota, Pimentel repudia tentativa de golpe e pede espírito democrático.



O governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel, divulgou nota de repúdio à tentativa de impeachment da presidenta da República, Dilma Rousseff . Ele destacou que as manifestações desta sexta, 18, durante o ato nacional em defesa da democracia e contra o golpe representa a indignação da sociedade brasileira contra as manipulações em curso, que tentam desestabilizar o sistema político e incitam a intolerância e ódio. 

Confira a nota: 
Manifesto o meu repúdio à tramitação do processo de impedimento da Presidenta da República, Dilma Rousseff, na Câmara dos Deputados. Ainda que o julgamento seja um processo político, ele é regido por normas constitucionais e regras próprias. E é necessário que tenha se configurado crime de responsabilidade para abertura do processo, coisa que sabidamente não ocorreu neste caso.
Garantir o cumprimento do mandato eleito livremente é dever dos que prezam a democracia e respeitam o voto do povo. Reafirmo aqui o compromisso de Minas Gerais com as regras democráticas e o respeito à Constituição.
As manifestações populares desta sexta-feira (18/3), por todo o Brasil, em apoio à Presidenta Dilma Rousseff, ao ex-presidente Lula e pela democracia, sinalizam a indignação da sociedade brasileira com as manipulações em curso, que desestabilizam o sistema político e provocam a incitação da intolerância e do ódio.
O avanço desse processo na Câmara dos Deputados poderá representar retrocessos de efeitos imensuráveis em relação às conquistas alcançadas depois de muita luta e sofrimento pelo povo brasileiro.
Neste momento, espero que as decisões dos deputados em Brasília sejam guiadas pela sensatez, serenidade e espírito democrático, fundamentais para que o nosso país supere a crise e retome o seu crescimento econômico, com equilíbrio político, justiça social e garantia dos direitos individuais de todos os cidadãos.
Fernando Pimentel
Governador de Minas Gerais

Nenhum comentário: