CEZAR CANDUCHO

Minha foto
TERRAS ALTAS DA MANTIQUEIRA., MG, Brazil

quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Dona Marisa foi alvo de atentado dos esbirros de Curitiba.

marisa capa

No meio da tarde da última terça-feira, 24 de janeiro, explodiu como uma bomba na internet e nos meios de comunicação tradicionais a informação de que a esposa do ex-presidente Lula, Dona Marisa Letícia, sofreu um Acidente Vascular Cerebral de caráter hemorrágico, do tipo mais grave.
A partir dali, de norte a sul do país levantou-se uma onda de solidariedade, comoção e indignação diante das causas óbvias do mal que acometeu dona Marisa, que, como todos podem imaginar, pela idade e pela perseguição política que, junto a marido e filhos recebe da Lava Jato e de hordas fascistas, está tendo a saúde afetada.
— marisa
Sem provas, diante de meras “convicções” de seus acusadores do Ministério Público, acusado pelo jornal espanhol El País de atuar a mando do PSDB para perseguir seus adversários políticos e proteger seus aliados, a família Lula da Silva vem sofrendo um tipo de perseguição que, devido à idade aos dois principais alvos (Lula e sua esposa), já começa a mostrar que podem não suportar tanta pressão.
— marisa 1
http://brasil.elpais.com/brasil/2016/12/26/politica/1482782314_977500.html
Porém, psicólogo consultado pelo Blog informa que os ataques políticos da Lava Jato a Lula, Marisa e filhos – e são os ataques aos filhos que talvez os torturem mais – talvez nem seja os maiores responsáveis por ameaçar a saúde do casal de idosos.
A lei é a lei. Quem não deve, não teme – apesar da injustiça, Lula tem manifestado confiança em que conseguirá provar sua inocência. Porém, segundo o especialista consultado pelo Blog as hordas de facínoras anônimos que dedicam uma quantidade incrível de tempo para fustigar o ex-presidente e sua esposa pode ser ainda mais danoso porque alguma coisa sempre acaba passando para eles.
Nas últimas 24 horas anteriores a este texto, pessoas sem qualquer traço de caráter demonstraram que a humanidade é a única espécie capaz de produzir verdadeiros demônios.
Comecemos por dois pseudo seres humanos que, enquanto a esposa de Lula luta pela vida, foram para a porta do hospital em que ela está internada para exibirem cartazes protestando contra o fato de ela estar internada em um bom hospital. Baseadas no preconceito de classe, acreditam que, ao contrário de políticos de partidos de direita, por Lula e sua família teriam que se tratar no SUS, apesar de estarmos falando de um ex-presidente da República.
— 3
São Poucas pessoas? Para este Blog, são muitas. É chocante existir uma só pessoa pessoaa capaz de um ato de tanta maldade, de tanta insensibilidade humana quanto essas duas psicopatas irem maltratar uma família em um momento como esse.
Dirão que são loucas. Não são loucas, são perversas como milhões de outros brasileiros capazes de perpetrar atos desse nível de perversidade. E não são casos isolados. Há milhares de pessoas que fizeram o que você vai ver abaixo
— 4
Mas esse não é o pior ato. A atos preparados meticulosamente para causar dor. O vídeo que você vai assistir abaixo foi produzido por Claudio Júlio Tognolli, autoproclamado jornalista, músico e escritor e membro do Consórcio Internacional de Jornalistas Investigativos. É formado pela Universidade de São Paulo e doutorado em Ciências da Comunicação pela USP.
Só estou exibindo esse vídeo porque viralizou na internet e, a esta altura, exibi-lo serve como denúncia do que esta página considera um crime.

Caso alguém não tenha conseguido assistir ao vídeo, o sujeito exibe tomografia da esposa de Lula para afiançar a gravidade de seu caso. Urge uma investigação sobre como ele conseguiu esse documento. Com a palavra, o hospital.
Achou que Tognolli chegou muito baixo? Pois há coisa pior. Alguém conseguiu fazer coisa pior divulgando vídeo que atesta a morte da esposa de Lula.

Além de ser mentira, ao menos até a publicação deste texto, a iniciativa revela o mais absoluto desprezo dessa criatura pelos seus semelhantes.
Tudo isso vem sendo desencadeado por Sergio Moro, por Deltan Dallagnol, por Gilmar Mendes, pela Globo, pelo Estadão, pela Folha, pela Veja, por hordas infectas de pseudo jornalistas que insuflam todo tipo de louco e pervertido contra um casal de idosos com base em suposições.
Infelizmente, é preciso reconhecer que o brasileiro, em todas as classes sociais e regiões, está perdendo o senso de decência, o senso de humanidade, a empatia. Estamos nos tornando um país selvagem, atrasado. Mas, em última instância, há que reconhecer que a natureza humana não ajuda muito.
*

Nenhum comentário: