CEZAR CANDUCHO

Minha foto
TERRAS ALTAS DA MANTIQUEIRA., MG, Brazil

terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

PTMG - Fernando Pimentel entrega 83 ambulâncias e 80 ônibus escolares em Patrocínio.


Governador também assinou despacho autorizando o repasse de R$ 7 milhões para a construção de uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) no município.
O governador Fernando Pimentel entregou nesta sexta-feira (17/2), em Patrocínio, Território Triângulo Norte, 83 ambulâncias para 64 prefeituras e entidades filantrópicas credenciadas como prestadoras de serviço ao Sistema Único de Saúde (SUS) de sete Territórios de Desenvolvimento. Somente nesses veículos foram investidos R$ 5,42 milhões. Durante o evento, Pimentel também entregou 80 ônibus escolares a prefeituras de 57 municípios de Minas Gerais, beneficiando mais de 34 mil alunos das redes estadual e municipais de ensino. O governador ainda autorizou o repasse de R$ 7 milhões para a construção de uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) no município.
Os investimentos nas áreas da saúde e educação são resultados de demandas dos Fóruns Regionais de Governo. “Estamos celebrando uma entrega extremamente importante para os municípios da região. Temos aqui hoje 60 prefeitos presentes. Cada um deles recebendo um ou dois, às vezes mais, veículos para transporte escolar e para assistência à saúde. Só quem não sabe ou não conhece Minas Gerais não dá importância ao que estamos fazendo aqui hoje. Um estado com tanta diversidade precisa, fundamentalmente, daquilo que os engenheiros chamam de logística, que é o transporte, a mobilidade. Não tem como você manter equipe médica permanente em um município de 3 mil, 2 mil, mil habitantes. Então, você tem de ter formas de transportar um paciente ou um médico até outro município. Não tem como nós termos escolas bem equipadas em cidades de 3 mil, 4 mil, 5 mil habitantes. Então, você tem que fazer o transporte escolar funcionar para que esses municípios, esses cidadãos e cidadãs, tenham serviços públicos de qualidade. Da mesma forma, equipamentos para a polícia, para a segurança pública. Então, o equipamento é fundamental para a qualidade de vida do cidadão de Minas Gerais e é fundamental para o prefeito e a prefeita desempenhar bem a sua missão”, explicou o governador.
Pimentel ressaltou a importância da prática da boa política, com harmonia entre os Poderes, para resolver os problemas dos cidadãos. “É preciso empenho da bancada federal e da bancada estadual para transformar suas emendas orçamentárias em ônibus e ambulâncias que vão servir o povo de Minas Gerais. Ainda que uma parcela da imprensa possa criticar os mecanismos das emendas, eles não estão errados. A emenda parlamentar é a forma mais legítima de fazer política no Brasil. É com trabalho deles, claro que com o apoio do Executivo, que nós devemos a entrega desses veículos. Nós estamos celebrando a boa política, a política correta, feita com transparência, feita com segurança, feita pelos caminhos que a democracia nos proporciona, que, independentemente das nossas convicções partidárias, nós estarmos juntos trabalhando por Minas Gerais”, afirmou.
Fernando Pimentel ressaltou o trabalho realizado no estado, que permitiu que os serviços públicos continuassem funcionando. “Minas é um Estado que funciona. Nós estamos com um déficit orçamentário pesado, com grandes dificuldades, tendo que escalonar a folha de pagamento dos servidores, mas o Estado está funcionando. A polícia está presente nas ruas, as escolas estão abertas, as aulas foram retomadas, os postos de saúde e os hospitais estão funcionando. Estamos fazendo essas entregas, ao contrário de outros que a gente vê, às vezes, com enorme tristeza, os estados se dissolvendo, com o colapso do serviço público. E isso é mérito do povo de Minas Gerais que, acima de tudo, é um povo trabalhador e aponta para os governantes e para os representantes parlamentares o caminho da harmonia, da serenidade”, finalizou.
Entregas
No final de 2015, o governo iniciou o Programa de Doação de Veículos para atenção à saúde dos municípios mineiros, com o objetivo de proporcionar qualidade no transporte de pessoas que necessitem de tratamento médico, realização de exames ou de consultas e promover a assistência médica de caráter emergencial. Foram adquiridos 1.509 veículos para o atendimento à saúde em todos os Territórios de Desenvolvimento do Estado, com investimentos de R$ 75,2 milhões. Até o momento, já foram entregues 1.203 carros.
Já para a educação, o governador entregou 80 ônibus escolares para o atendimento a 57 municípios. Este é o segundo lote de um total de 628 ônibus, adquiridos com recursos oriundos de emendas parlamentares federais. No total do programa, serão investidos R$ 150 milhões. O primeiro lote, composto por 401 ônibus, foi entregue no último dia 10 e beneficiou 309 municípios mineiros. Cada veículo é equipado com plataforma elevatória e pode transportar até 44 passageiros assentados.
UPA
Ainda durante o evento, Fernando Pimentel autorizou o repasse de R$ 7 milhões para a construção de uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) 24 horas em Patrocínio para atender casos de urgência e emergência de menor complexidade. Parte dos recursos também serão utilizados na aquisição de equipamentos e mobiliários para a unidade.
O prefeito de Patrocínio, Deiró Marra, afirmou que este dia se tornou histórico na cidade, pois, apesar de todas as dificuldades, os investimentos permitem o avanço nas políticas públicas para os cidadãos. “É com obras como essas, que o senhor está entregando aqui hoje, que os mineiros vão reconhecer o seu trabalho. Essa data vai ficar marcada nesse governo e para essa cidade. Tivemos a grata satisfação de receber do nosso governador aquilo que nós mais sonhávamos: o pontapé, eu diria que quase 80%, das nossas obras do pronto socorro municipal”, disse.
Título
Fernando Pimentel também foi agraciado com o Título de Cidadão Honorário de Patrocínio. A homenagem foi proposta, em 2014, pelo presidente da Câmara Municipal, Thiago Malagoli, como forma de agradecimento aos serviços prestados para a cidade.
“É uma honra muito grande para mim como governador – mas, mais do que tudo, como mineiro, me tornar cidadão de Patrocínio. É uma terra que dá orgulho a qualquer um de nós, independentemente de termos nascido aqui ou não. E, agora, mesmo não tendo nascido aqui, eu me considero patrocinense tal como tantos outros que nasceram. Então, muito obrigado e vamos celebrar juntos essa emoção que eu estou tendo agora”, afirmou o governador.
Também participaram da cerimônia os secretários de Estado de Educação, Macaé Evaristo, de Saúde, Sávio Souza Cruz, de Governo, Odair Cunha e de Desenvolvimento Agrário, Professor Neivaldo, além do ouvidor-geral do Estado, Wadson Ribeiro, deputados federais, estaduais, prefeitos, vereadores e lideranças da região.
Fonte: Agência Minas
***
***
***
Mulheres eleitas trocam experiências e unem forças contra retrocessos.



Prefeitas, vice-prefeitas e vereadoras eleitas pelo PT participaram do 2º Encontro Nacional de Mulheres Eleitas, em Brasília. Presidenta Dilma compareceu ao primeiro dia
Prefeitas, vice-prefeitas e vereadoras eleitas em 2016 pelo PT em todo Brasil se reuniram em dois dias, em Brasília (DF), no 2º Encontro Nacional de Mulheres Eleitas, para trocar experiências e afinar a luta das mulheres por mais direitos e mais participação dos espaços de poder. Participaram do encontro 137 mulheres eleitas e 63 não eleitas como secretárias de mulheres, deputadas, senadoras, entre outras.
Para a secretária nacional de Mulheres do PT, Laisy Moriére, o encontro, realizado nesta sexta-feira (18) e sábado (19), foi proveitoso, pois permitiu que as mulheres petistas de todos os cantos do Brasil percebessem que não estão sozinhas. A secretária ainda avalia que essas mulheres voltarão as suas cidades com mais ânimo e força para seguirem na luta.
“Elas vão voltar aos seus municípios com ânimo diferente, com uma energia diferente, e tendo certeza que o papel delas no parlamento ou no governo como gestora, pode fazer a diferença na sociedade”.
Entre os temas debatidos, tiveram destaque os retrocessos para as mulheres com o desmonte da Previdência e da lei trabalhista, assim como o papel das mulheres eleitas na resistência a esses ataques aos direitos.
“O cotidiano das mulheres não é levado em consideração na reforma da Previdência, que tem impactos bárbaros na vida das mulheres, tanto na idade mínima para a aposentadoria igual a dos homens, como o tempo de trabalho. A reforma trabalhista e a flexibilização do trabalho também são gravíssimos para as mulheres”, ressaltou a ministra das mulheres do governo Dilma Rousseff, Eleonora Menicucci.
Para a ministra, que participou dos dois dias de encontro, reunir as mulheres petistas eleitas foi fundamental para seguir na resistência ao golpe contra a democracia.
“Conseguimos mostrar a disposição das mulheres para resistir ao golpe, para resistir à consolidação do golpe e para dizer que nós existimos, somos 52% da população e mãe da outra metade. Portanto, não vamos nos calar e queremos que a representação política das mulheres seja aumentada”, declarou.
Lula Marques/Agência PT
As participantes puderam, também, falar e ouvir histórias de companheiras de partido, os desafios que enfrentaram e como superaram os problemas.
“Isso dá uma força maior a elas. As mulheres vão levar isso como mensagem, mas também puderam deixar a mensagem delas, como elas fazem a história delas nas suas cidades”, apontou Laisy Moriére.
A troca de experiências foi apontada por muitas mulheres como o ponto fundamental do evento.
“O encontro foi fundamental para que nós, voltando aos nossos municípios, possamos levar essa luta para cada recanto do País, através do nosso mandato, mas também da nossa militância, emponderando as militantes da nossa região”, disse a vereadora Maria Tereza, da cidade de São Miguel do Oeste (SC), que está no seu segundo mandato na Câmara Municipal.
O empoderamento das mulheres foi destacado pela prefeita Janete Sarti, de Barra do Chapéu(SP).
“Acredito que esses momentos ajudam a fortalecer as mulheres, porque nós vemos que não estamos sozinhas, tem mais mulheres na luta. E nós mulheres temos um olhar diferente na política e precisamos reforçar a participação das mulheres na política”, enfatizou.
Lula Marques/Agência PT
Para a vice-prefeita de Campo Novo de Rondônia (RO), Valdenice Ferreira, esses encontros dão força e coragem pra seguir em frente, “principalmente nesse momento que precisamos enfrentar tantos desafios, como combater as reformas da Previdência e trabalhista”.
Representando a juventude petista, a vereadora de Natal (RN), Natália Bonavides, está no seu primeiro mandato e é a primeira mulher eleita vereadora pelo PT de Natal.
“Com o bom debate e a troca de ideias e experiências, a gente sabe como enfrentar melhor esses tempos nada fáceis, principalmente para as mulheres”, completou.

Presidenta eleita

Na sexta-feira (17), a presidenta eleita Dilma Rousseff participou da abertura do Encontro e destacou o papel das mulheres na luta democrática.
“Acho que as mulheres desse País têm noção mais clara do que se passa, são mais desconfiadas, não são fáceis de serem enganadas. Acredito que nós temos esse compromisso com a questão democrática e de tentar impedir o retrocesso”, afirmou.
Além de Dilma, também participaram o evento as deputadas federais Benedita da Silva (PT-RJ) e Maria do Rosário (PT-RS), e a senadora e líder do PT no Senado Gleisi Hoffmann (PT-PR).
Foto e fonte: Agência PT de Notícias

Nenhum comentário: