CEZAR CANDUCHO

Minha foto
TERRAS ALTAS DA MANTIQUEIRA., MG, Brazil

domingo, 20 de março de 2016

Com escalada da intolerância, sedes do PCdoB e do PT são atacadas - Em mais um reflexo da campanha de ódio e intolerância fermentada pela oposição e pela mídia, a sede do PCdoB de Mato Grosso do Sul foi atacada na noite desta sexta-feira (18). De acordo com o presidente estadual do partido, Mario Cesar Fonseca da Silva, houve a tentativa de queimar a placa que fica em frente ao prédio, o que poderia ter resulado em um incêndio de maior proporção.

 

Em nota, ele condenou o vandalismo, que acontece um dia após as manifestações anti-golpistas em todo o Brasil, e disse que não responderá ao ataque com ódio e que tomará as medidas legais para que os responsáveis sejam identificados e punidos.


“Não nos abateremos com provocações e atentados fascistas. Isso só nos dá mais combustível para seguir na luta contra o golpe, pela democracia”, afirmou.

O dirigente destacou que a onda de agressões, que mobiliza setores da sociedade brasileira, é fomentada pela mídia (principalmente a Globo), grande parte do Judiciário, do MP e da PF, bem como pela oposição partidária conservadora.



Escalada das agressões

Nos últimos meses, com o estímulo desses setores, o país tem vivido uma escala da intolerância, que tem resultado em agressões e vandalismo em todo o Brasil. As sedes do PCdoB em Sergipe e em São Paulo e a sede da UNE já haviam sido alvo de ataques. 

Na manhã deste sábado (19), o PT em Belo Horizonte denunciou que seu prédio também foi invadido. A porta foi quebrada e houve depredação, no terceiro ataque em menos de um mês. Os prédios do PT em Goiânia e São José dos Campos e Ribeirão Preto tinham sido atacados na madrugada da quinta para a sexta. 



Em Goiânia, a fachada do prédio do amanheceu incendiada. Nas cidades do interior paulista, os vândalos colocaram bombas no telhado e na garagem, fizeram pixações e arrombaram um portão.

Confira abaixo a nota do presidente do PCdoB de Mato Grosso do Sul.

CAMARADAS, ATACARAM A SEDE DO PCdoB DE MATO GROSSO DO SUL!


Na última noite, a sede do PCdoB de Mato Grosso do Sul foi atacada. Tentaram incendiar a placa que fica na frente, com o foco de fogo muito próximo do madeiramento do beiral, causando sério risco de incêndio. 

Isso é parte da onda de ódio e intolerância que mobiliza setores da sociedade brasileira, fomentada pela mídia (principalmente a Globo), grande parte do Judiciário, do MP e da PF, bem como pela oposição partidária conservadora.

Não responderemos com ódio, não deixaremos de defender soluções pacíficas e democráticas para os conflitos existentes na sociedade. Mas não nos intimidaremos. Somos o Partido da Coragem, aquele que lutou no Araguaia e que jamais abrirá mão de defender a democracia, a soberania nacional, os direitos dos trabalhadores e o socialismo.

Tomaremos todas as medidas possíveis para que, dentro da lei, os autores sejam identificados e punidos. Não nos abateremos com provocações e atentados fascistas. Isso só nos dá mais combustível para seguir na luta contra o golpe, pela democracia.

Viva o Partido Comunista do Brasil!

Viva a luta do povo!

#NãoVaiTerGolpe 
#DemocraciaSempre

Mario Cesar Fonseca da Silva, presidente do PCdoB

Nenhum comentário: